SPEKX® participa do II Fórum Nacional de Governança de TI Abril de 2009


São Paulo, 16 de Abril de 2009 - A SPEKX Tecnologia, desenvolvedora do primeiro ERP de Governança de TI, o SPEKX for IT Governance, participou do II Fórum Nacional de Governança de TI, organizado pela Febracorp (Federação Brasileira de Desenvolvimento Corporativo) no dia 16 de Abril, em São Paulo, com a palestra "Conheça como é possível tornar os Mapas Estratégicos e BSC em instrumentos de transparência e ainda, como forma de administração de riscos", ministrada pelo CEO da empresa, Júlio Vigorito.

Com uma abordagem prática, Vigorito iniciou a palestra apresentando os sete pecados capitais de TI: Disponibilidade, Funcionalidade, Desempenho, Segurança, Capacidade, Continuidade e Compliance, e definiu de forma objetiva o que é um pecado de TI, “Um pecado em TI é um risco, ou seja, a chance de alguma coisa acontecer que terá um impacto sobre os objetivos”, explica Vigorito.

O CEO focou sua apresentação em um dos grandes problemas enfrentados pelos executivos de TI, a dificuldade em demonstrar junto ao negócio a inquestionável relevância da TI. “Ainda sentimos no mercado uma grande dificuldade, entre esses executivos, em comprovar e obter mais rapidamente os investimentos necessários que demandam uma eficaz e eficiente governança de TI”, comenta.

Vigorito complementou sua palestra, abordando a ausência de instrumentos que rapidamente demonstrem a amplitude e o valor da TI. “Essa falha é percebida em seus vários pilares de atuação operacional, tática e estratégica, e têm sido um fator impeditivo do corpo executivo e gerencial de TI em explicar a TI, em administrar riscos e decorrentes impactos no negócio e, mais do que nunca, justificar a TI para a TI”, explica. O executivo finalizou a palestra falando sobre as dificuldades e particularidades inerentes de projetos de automação de processos de TI, bem como a integração de TI através de um ERP de TI.

O fórum contou com a participação de importantes empresas em seus segmentos como Banco Nossa Caixa, Villares Metals, Andrade & Gutierrez, Mars Brasil, McDonald's e um dos clientes da SPEKX Tecnologia, a Marítima Seguros.

   
SPEKX® marca presença no IBC Brasil - Gestão Estratégica dos Serviços de TI Maio de 2008


SPEKX apresenta a importância de se prevenir e mensurar perdas com a ajuda de frameworks de Governança de TI;  Mapas estratégicos e BSC são apontados pela empresa como instrumentos de transparência e administração de riscos.

São Paulo, 28 de maio de 2008 - A SPEKX, desenvolvedora de soluções de Governança e gerenciamento de TI, participou da Conferência: “Gestão Estratégica dos Serviços de TI”, organizada pelo IBC Brasil entre os dias 27 e 28 de maio, em São Paulo, com a palestra "Utilizando Mapas estratégicos e BSC como instrumento de transparência e administração de riscos", ministrada pelo presidente da empresa, Júlio Vigorito.

Através de uma analogia sobre a prevenção de doenças, Júlio Vigorito, CEO da SPEKX, conseguiu mostrar a importância de se adotar modelos de Governança de TI como forma de prevenção contra os males da TI. Ele elencou os principais riscos para o negócio -- entre eles indisponibilidade, falta de desempenho, erros de funcionalidade, fragilidade de segurança -- e afirmou que ações contínuas de Governança de TI significam investimentos em prevenções de doenças ou riscos.

Vigorito apresentou a plataforma SPEKX®, solução da SPEKX que permite desenvolver infinitas soluções de governança e gerenciamento de serviços de TI orientadas por frameworks de melhores práticas. Através de mapas estratégicos baseados nas perspectivas de Balanced Scorecard – BSC, a solução consegue administrar facilmente os mais variados riscos do negócio. “No mundo real, o desafio é comprovar para o negócio as possíveis perdas, sem nunca ter passado por elas e mais do que isso, apresentar os valores dessas perdas”, afirma o CEO.

Direcionado a executivos interessados em conhecer novas metodologias, ferramentas e práticas de estruturação eficaz da gestão estratégica dos serviços de TI, a palestra contou com a participação de importantes empresas em seus segmentos como Repsol, General Motors, Editora Abril, entre outras.

   
SPEKX participa do Conference itSMF 2007 Outubro de 2007

A SPEKX lança sua nova solução SPEKXâ for ITIL v3, totalmente aderente às disciplinas de gerenciamento de serviços que compõem a nova versão da ITIL. A solução já nasce com a expertise da certificação PinkVerify™, mantendo como grande diferencial flexibilidade, interatividade e integração entre os processos e demais frameworks de TI, tais como CobiT, PMI, CMMI, eSCM, entre outros.

Além do Lançamento, apresentou o seu mais recente caso de sucesso: SERPRO .

O objetivo da apresentação foi posicionar a audiência da importância de cumprir todas as etapas de um projeto de automação do modelo ITIL em uma organização do porte do SERPRO, levando em consideração a sua dimensão geográfica, quantidade de usuários e, sobretudo, a utilização do ITIL como parte imprescindível do negócio. Foi abordado a necessidade inicial e contínua de estruturação e evolução dos processos através de um programa dedicado para este fim, no caso, o PSGTI - Programa Serpro de Gerenciamento de Serviços de Tecnologia da Informação e Comunicação. Foi também parte da apresentação a abordagem espiral de especificação funcional e testes dos conteúdos incorporados como parte integrante da plataforma SPEKXâ como instrumento de comunicação e integração entre os profissionais SERPRO e SPEKX através do processo de Gerenciamento de Incidentes suportando a própria implantação.

 

 

   
 SPEKX participa do Conference itSMF 2006 Outubro de 2006

A SPEKX estará apresentando para o mercado de gerenciamento de serviços de TI sua mais recente solução em governança de TI, suportando integralmente o modelo ITIL como também utilizando -o como instrumento de sustentação das exigências de controles para serviços e processos de TI, perante a lei SARBANES OXLEY.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   
SPEKXâ for IT Governance agora certificado PINK. Julho de 2006

SPEKXâ for IT Governance - A primeira solução brasileira certificada PINK Verify.

O conhecimento aplicado na solução SPEKXâ for IT Governance recebe a certificação PINK Verify. Reunindo as melhores práticas ITIL nos processos: Gerenciamento de Incidentes, Gerenciamento de Mudanças, Gerenciamento de Problemas e Gerenciamento da Configuração, a solução SPEKXâ for IT Governance recebeu o selo PINK Verify no mês de Junho de 2006.

Totalmente aderente aos conceitos ITIL a solução permite a automação dos processos de forma rápida e flexível, visto que todos os processos já são pré-configurados, permitindo que customizações sejam efetuadas para que as necessidades de cada cliente sejam integralmente atendidas.


Mais informações:
https://www.pinkelephant.com/pt-BR/ResourceCenter/PinkVerify/PinkVerifyToolset.htm
 
Nova Solução: SPEKXâ for BASEL II IT Compliance
Fevereiro de 2006
Como resultado de intensa demanda do mercado financeiro por uma solução que controlasse Riscos de Crédito, de Mercado e Operacionais para se adequar ao Novo Acordo de Capital, a SPEKX desenvolveu a solução SPEKXâ for BASEL II IT Compliance, que além de controlar os riscos também engloba processos de Governança, Gestão de Maturidade, Gestão de Auditoria dentre outros processos que trazem tranparência e total controle e gestão para as instituições finanaceiras.

Baseado nos 03 pilares: Requerimento Mínimo de Capital, Revisão do Órgão Superior e Disciplina de Mercado a Solução
SPEKXâ for BASEL II IT Compliance é a realidade para o Novo Acordo de Capital!
 
SPEKXâ agora Multi-Idiomas!!
Dezembro de 2005

Para acompanhar a evolução dos seus negócios no mundo globalizado, o SPEKXâ apresenta em sua mais nova versão a estrutura MULTI-IDIOMAS. A partir de agora, seus negócios poderão ser requisitados no Brasil, enviados para aprovação na Espanha, serem executados nos EUA e homologados na Alemanha.
Tudo isso em uma única plataforma de Processos: SPEKX
â Platform!

 

 

 


 
Road Show SPEKX nos EUA:
Novembro de 2005

No Mês de Outubro a SPEKX realizou uma série de apresentações voltadas à inúmeros modelos de Governanças Corporativas, tais como: Tecnologia da Informação, Serviços Compartilhados e IT Compliance.

Utilizando uma plataforma única de processos: SPEKXâ Platform, a SPEKX sensibilizou executivos de atuação entre as 500 maiores empresas de acordo com a revista Fortune, evento este que levou a SPEKX a estudar a viabilidade da transferência de sua matriz para Baltimore.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
Com a solução SPEKXâ for IT Governance, totalmente aderente ao PMI, a SPEKX apresentou não só conceitos, mas sim as práticas em Gestão de Projetos no Seminário de PMI em Vitória – ES.

Outubro de 2005

 

Através das práticas de gestão do PMI, foram levadas em consideração as abordagens utilizadas na vida real, como sustentação de projetos de estruturação e automação de processos de TI em grandes organizações nacionais e internacionais. A audiência pôde comprovar a real aplicabilidade destas estratégias, baseadas em gestão de patrocínio (Sponsorship Management) através de avaliações de credibilidade do negócio com relação à TI como gerador e, principalmente, mantenedor de soluções de valor adicionado ao negócio.

Foi apresentada a solução SPEKXâ for IT Governance, focando principalmente o processo de Gestão de Projetos, destacando-se como a solução ideal, pois abrange etapas específicas de estudos de viabilidade, associação de demandas, priorizações, planejamento e replanejamentos, projetos funcionais, projetos lógicos, projetos físicos, além de encadeamentos operacionais através da explosão de ordem de serviços para áreas específicas de desenvolvimento, para fábricas de software e centros de testes.

Como patrocinadora do Evento, a SPEKX contou ainda com um stand, no qual seu staffing apresentava suas diversas soluções aos participantes.

 
SPEKX participa do Seminário de Gerenciamento de Projetos em Vitória
Setembro de 2005
Sinopse da Palestra: O objetivo da palestra será o de inicialmente familiarizar a audiência quanto às particularidades de automação de ambos os modelos gerenciais e operacionais dos processos que compreendem o guarda chuva da governança de TI. Nesta introdução será também levada em consideração a ainda "jovialidade" dos profissionais de TI como usuários finais comparados aos usuários de negócio. Posteriormente serão levados em consideração, através das práticas de gestão do PMI, as abordagens utilizadas na vida real como sustentação de projetos de estruturação e automação de processos de TI em grandes organizações nacionais e internacionais. A audiência poderá comprovar a real aplicabilidade destas estratégias baseadas em gestão de patrocínio (Sponsorship Management) através de avaliações de credibilidade do negócio com relação à TI como gerador e, principalmente, mantenedor de soluções de valor adicionado ao negócio. Partindo destas sustentações, diferentes modelos organizacionais de TI passam a justificar a estruturação e automação dos seus próprios processos e, desta forma, implementar a tão e cada vez mais necessária "Governança de TI". A partir deste momento serão abordadas as diferentes práticas de gestão e lições aprendidas, levando sempre em consideração a comprovação de retornos de investimentos e níveis elevados de qualidade percebida fornecidos pelo "DAY AFTER" da implantação (Pós-Implantação), promovendo assim, casos de sucesso e a continuidade de um dos mais importantes fatores em qualquer projeto: O PATROCÍNIO.


Palestrante: Julio Vigorito

Curriculo Resumido:

Formado em Computer Science pela Florida Atlantic University com mais de 28 anos de experiência profissional em informática, iniciou sua carreira como arquiteto de banco de dados, projetando e desenvolvendo “gerenciadores”.

É sócio-diretor da SPEKX TECNOLOGIA LTDA e responsável pela criação de inúmeros modelos operacionais voltados à estruturação e automação de processos de TI , dentre eles: Outsourcing de projetos e manutenção de aplicações, fábricas de software e administração de banco de dados. Durante sua carreira tem obtido prêmios nacionais de excelência como resultado de implantações de modelos gerenciais e operacionais de TI estruturados e automatizados em diversas organizações.

No decorrer dos últimos anos especializou-se em frameworks orientados à governança de TI e, mais recentemente, a utilização da lei Sarbanes-Oxley em TI, com o objetivo de promover a estruturação e automação de processos através de uma plataforma WEB de sua autoria denominada SPEKX-Service Process Engineering and Knowledge eXchange. Esta plataforma, como resultado de conceitos de e-process e configuração de conteúdo, tem como principal objetivo promover um ambiente colaborativo integrando: Clientes finais, áreas de negócio, profissionais internos de TI e fornecedores em uma mesma cadeia de suprimento de serviços

Anteriormente a SPEKX, exerceu o cargo de diretor de tecnologia e processos da CPM onde era responsável em promover a estruturação e automação de processos a fim de suportar os produtos / serviços de cada uma das cinco unidades de negócio. Exerceu atividades de diretoria, CIO e gerência em empresas como SETTLE CONSULTING, ACCENTURE, GENERAL ELETRIC, FIAT LUX entre outras.

 

 

 

 

 

 

 

 

 
SPEKX Patrocina o Esporte Clube Sírio
Agosto de 2005

A SPEKX acredita que ninguém alcança seus objetivos, e até mesmo superá-los, sem saúde e, por conta desta convicção, e por contar também, em seu quadro de profissionais com diversos ex atletas, decidiu apoiar através de patrocínio, a equipe de basquetebol juvenil, do Esporte Clube Sírio, campeão mundial na categoria adulto, em 1979.

 

 

 

 

 
Novas Instalações
Julho de 2005

Resultado da expansão de sua operação a SPEKX já está funcionando em novas e amplas instalações, na Av. Eng. Luis Carlos Berrini, 1700 , 11o. andar, numa região com toda a infra estrutura necessária para um excelente atendimento aos Clientes, além de ser o centro da tecnologia do Brasil, onde estão situadas as maiores e mais consagradas empresas do setor.